IB: ALAYLM - 8° CAPITULO

Justin P.O.V
Acordei com muito sono, eu não consegui dormir por preocupações e até agora elas me atormentam. Assim que levantei da cama, liguei para Bella. Estava com saudades de ouvir a sua voz, de sentir o seu cheiro ...
- Alô ? - Ela falou meio sonolenta. Parecia que tinha chorado a noite inteira.
- Amor, sou eu o Justin. Aconteceu alguma coisa ? - Falei mais preocupado ainda. Se tivesse acontecido algo, nem sei o que faria.
- Jus, vem aqui agora, por favor ! Eu preciso de você, vem !
- Já tô indo, tchau ! - Nem esperei ela terminar de falar e já desliguei o celular. Me vesti com pressa e fui até lá. Sim, era perigoso, não estou falando de seu pai e sim de eu bater o carro ou sei lá. Estava andando a 180 km numa de 100 km e poderia morrer então fui abaixando os km para não ocorrer algo pior.


Cheguei na casa dela e comecei a jogar pedrinhas em sua janela. Sim, estava certo. Ela havia chorado a noite inteira, percebi isso por seus olhos fundos.
Sem falar nada, ela abriu a porta e eu entrei. Para distrair um pouco o clima de tristeza a beijei um beijo longo e apaixonado.
[...]
Fomos para o seu quarto e ela deitou em meu colo.
- Não irei deixar que ninguém nos separe. Irei lutar com todas as minhas forças até o final. - Falei enquanto mexia em seu cabelo. Ela disse sim com a cabeça e nos beijamos novamente. Peguei uma máquina fotográfica e comecei a tirar fotos. Ela gostava muito disso e sabia que ia se animar um pouco.
Depois de alguns minutos, ela já estava feliz. Aquelas fotos a animavam de uma maneira incrível.


Tiramos várias fotos, loucas, sensuais, lindas, feias ... mas não apagamos nenhuma, queríamos aquilo de memória.
- Quando tivermos nossos filhos e netos iremos mostrá-los essas fotos. - Falei enquanto via as fotos pela máquina fotográfica. Ela deu meio sorriso daquilo confirmando com a cabeça.
- Eles irão descobrir o quanto você é louco ! - Ri ouvindo aquilo e falei:
- E também irão descobrir o quanto você é linda. - Falei aquilo a beijando.
Conversávamos enquanto tirava algumas fotos dela. Depois decidimos sair um pouco de lá e fomos passear.
A levei para um campo cheio de flores.
Isabella P.O.V
Justin tinha o dom de me fazer sorrir quando não tinha uma luz no final do túnel. Eu lutaria por ele mesmo se não tivesse uma solução, mesmo se tivesse outras opções. Pedi para irmos a outro local e ele me levou. Imaginava ruas e casas, mas ele me surpreendeu como sempre. Era um local lindo,cheio de flores. Eu amava flores.

 Andávamos sentindo os diversos cheiros das diferentes flores. Aquilo era o paraíso. Ele pegava algumas flores formando um buquê e me dava. Justin era um cavalheiro, um cavalheiro que eu amo. Por diversão minha, parei de andar e ele estava um pouco longe de mim.
- Justiiin. - Gritei. - Me segura.
Falei gritando por estar longe. Eu pedi para ele me pegar e corri até ele pulando em cima dele. Só que não deu muito certo, cai em cima dele e rimos. Ficamos lá, deitados no chão trocando carícias.



 Aquele momento foi o mais perfeito que eu já vivi em toda a minha vida. Mas, se não fosse por algo atrapalhando.
- Justin ! - Falei nervosa ao me lembrar. - Vamos rápido !
O puxei apressadamente e falei para ele o que havia me lembrado. Meu pai chegaria em casa daqui a 30 minutos e se ele encontrasse a máquina fotográfica com todas aquelas fotos ... Nem saberia o que ele iria fazer. Corremos no carro mas, chegamos tarde de mais. Pedi para o Justin ir embora mas ele não me ouviu. Ele ficou lá fora enquanto entrei. Vi meu pai com a máquina olhando as fotos com um olhar de nojo.
- Pai ... - Ele me interrompeu.
- Eu mato ele. - A raiva tomou conta dele fazendo com que seus olhos ficassem quase vermelho.
- Não pai, não ! Por favor ! - Falei enquanto chorava, mas não adiantou. Imediatamente mandei uma mensagem para o Justin.

Jus, o meu pai descobriu tudo. Fuja por favor, eu te peço, fuja ! Eu te amo !
- Bella.

Digitei enquanto chorava e logo recebi uma mensagem dele:

Eu disse que ia lutar por você e vou ! Desculpa mas vou ficar ! Também te amo !
- Justin, aquele cara que te ama muito.

Justin P.O.V
Vi o pai de Bella sair de casa e ir em minha direção. Sim, não nego, estava com muito medo, seus olhos estavam quase vermelhos mas como disse, irei lutar por ela até morrer.
Ele me deu um soco fazendo-me cair no chão.
- Fique longe da minha filha se não quiser morrer cedo moleque.
- Eu a amo. - Falei.
Continua ... O que será que vai acontecer com o Justin e com a Bella hein ?! Espero que tenham gostado e obrigada ! <3




3 comentários

  1. OMB ,que capítulo perfeito e tenso!!!!
    Meu Deus continua estou morrendo de curiosidade!!
    Tadinho do Jus:(

    ResponderExcluir

**Comentarios sempre são bem-vindos, e criticar também. Não xinge, de sua opinião é diverta-se**
A EQUIPE